Secretaria da Educação do Estado de Goiás

Para elevar a qualidade do ensino público e melhorar o desempenho escolar dos alunos, 11 ações norteiam a educação no Estado de Goiás:​

• A primeira delas busca integrar escola e comunidade, motivando a participação ativa de diferentes atores sociais.

• A segunda ação é a Escola Estadual de Tempo Integral, projeto que tem hoje 80 unidades em todo Estado, assegurando a continuidade e a perenidade dos avanços na educação escolar em Goiás e garantindo a permanência e a conclusão com sucesso do estudante na escola pública estadual.

• Articular as atividades educativas regulares com o ensino e a difusão das artes e do esporte é a terceira ação norteadora da educação em Goiás. A realização de atividades artísticas, culturais, desportivas e de integração social torna prazerosa e atrativa a permanência do estudante na escola e contribui para a formação cidadã, para o estímulo da consciência cultural do estudante e para o reconhecimento e fortalecimento da cultura local.

• A quarta ação em prol da qualidade da educação no Estado é a valorização e aperfeiçoamento ​de professores, para a gestão escolar e pedagógica, e de servidores da educação, para a sua efetiva participação no processo educativo, por meio de formação e qualificação continuadas.

• Modernizar e ampliar a infraestrutura física e de equipamentos para garantir condições dignas de acolhimento das atividades pedagógicas e administrativas, num ambiente saudável e compatível com as necessidades socioeducativas, é a quinta ação norteadora da educação em Goiás.

• Fortalecer a identidade de cada escola estadual a partir do planejamento estratégico e democratizar a tomada de decisão e as relações de poder modernizando as práticas de gestão e avaliação pedagógicas e refletindo acerca do fazer pedagógico constituem-se na sexta ação pela melhoriada educação no Estado.

• A sétima ação norteadora da educação em Goiás é a promoção da inclusão digital no espaço escolar por meio de medidas para a universalização progressiva das redes de comunicação com vistas à melhoria do ensino, da aprendizagem e da gestão.

• A oitava ação é a inclusão de pessoas com necessidades educativas especiais por meio da capacitação de professores da rede estadual e da criação de espaços socioeducativos para o atendimento específico de estudantes deficientes ou com altas habilidades (superdotados).

• Preparar o jovem para o mundo do trabalho a partir do desenvolvimento de competências e habilidades dos estudantes por meio de projetos pedagógicos integrados ao Ensino Médio é a ação número 9 pela qualidade da educação no Estado.

• A décima ação é efetivar uma política educacional no campo que garanta a formação escolar condizente com as necessidades socioeconômicas, políticas e culturais daqueles que vivem e trabalham no campo e em regiões em que predomina o modo de vida rural.

• E, por fim, a 11ª ação do Governo de Goiás para a educação no Estado é fazer dela uma ponte para a inclusão social, articulando a política de educação com as ações sociais, econômicas e culturais do Governo para a criação de condições de superação da desigualdade, da exclusão e da miséria; contribuindo para a elevação da autoestima do estudante; estimulando a atitude empreendedora; e promovendo a circulação de tecnologias sociais.​